As chapas podem ser utilizadas em diversos setores e por esse motivo, os processos de fabricação podem envolver etapas variadas para atender às necessidades da aplicação.

No entanto, de forma geral, após a obtenção do aço a partir do ferro e processos de adição de ligas, o material é transformado em bobinas por meio da laminação e posteriormente, nas chapas de aço, com exceção a chapa de aço grossa, que não pode passar pelas bobinas devido à sua estrutura.

Os métodos de laminação podem ser a quente ou a frio, sendo que no primeiro caso o processo é realizado em uma temperatura muito superior à linha crítica apresentada pelo aço.

Já  a laminação a frio, consiste, basicamente, nos trabalhos com produtos submetidos à laminação a quente, onde, após alcançarem uma determinada espessura, são finalizados a frio para atingir a dimensão almejada.

Devido à diversidade de processos, os setores responsáveis consideram diversos indicadores para os processos de fabricação e não é diferente ao se tratar das demandas atendidas para a construção civil.

De qualquer forma, é interessante observar que as propriedades podem ser muito distintas, por exemplo, no caso da chapa galvanizada, o metal é submetido a um tratamento adicional que confere maior proteção contra alguns elementos, como a umidade.

Para isso, durante a fabricação, a chapa de aço é imersa em solução de zinco liquefeito, que viabiliza o processo de ligação química. Para finalizar, ocorre a medição do nível do aço galvanizado. Veja a seguir algumas das aplicações mais comuns envolvendo o setor de construção:

  • Produção de rufos;
  • Fabricação de calhas;
  • Construção de fachadas;
  • Dutos de ar condicionado.

Independentemente do processo a ser atendido, é crucial garantir que as chapas sejam de qualidade e que as aplicações sejam realizadas por profissionais, principalmente para evitar prejuízos e acidentes nas construções.

O que é chapa perfurada?

A busca por chapa perfurada preço, assim como outros casos apresentados no texto, está relacionada aos mais variados setores como o petroquímico, metalúrgico, mecânico, agrícola e o da construção civil.

Comumente, as perfurações ocorrem por meio de estampagem a frio, porém, é fundamental que exista atenção na espessura e na dureza da chapa para evitar prejuízos devido a procedimentos realizados de maneira incorreta.

O mais interessante é que esse tipo de chapa pode ser confeccionada em materiais variados, por exemplo, cobre, aço inoxidável, aço carbono e alumínio.

O tipo de acabamento aplicado também pode variar de acordo com a empresa responsável pelo processo, as chapas podem ser soldadas, dobradas e curvadas.

Ainda mais, também podem ser submetidas ao processo de galvanização ou receber pintura eletrostática, tudo dependerá do tipo de produto almejado pelo cliente.

No caso da construção, é válido abordar que esse tipo de chapa pode reunir diversas vantagens devido às aberturas em sua estrutura, como a propagação de sons e a passagem de ar. Além disso, o material perfurado pode apresentar grande leveza, o que facilita o transporte e o manuseio.

As vantagens da chapa antiderrapante

Normalmente a chapa antiderrapante é composta por aço inox ou aço carbono galvanizado, sendo duas opções de grande resistência à corrosão.

Ao procurar por esse tipo de chapa, é comum se deparar com a chapa xadrez, pois os relevos presentes asseguram a característica anti deslizante.

Tais relevos são produzidos por meio de recalque ou repuxo, o que garante também maior resistência e rigidez na superfície da chapa.

Devido às características apresentadas, esse tipo de chapa é amplamente utilizado para compor plataformas, degraus e pisos na construção civil.

Há outras alternativas que possuem propriedade antiderrapante, como as chapas expandidas, que podem apresentar um grande custo-benefício para alguns setores devido ao estiramento da chapa.

Ainda mais, é uma opção de grande durabilidade e para potencializá-la, também há possibilidade de que o aço seja galvanizado.

Além de atender a construção civil para o tráfego de pessoas, comumente as chapas expandidas são empregadas na confecção de equipamentos e veículos, sendo também uma alternativa de grande leveza e fácil manuseio.

É válido observar que as chapas apresentadas ao longo do texto contam com diversas semelhanças, principalmente quando se trata de resistência, leveza e versatilidade, pois são características fortemente relacionadas ao aço.

No entanto, a atenção às particularidades deve sempre existir, pois são decisivas para garantir os resultados almejados para cada aplicação.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>