Por mais que todas as estruturas de um imóvel tenham sua função e sua importância, algumas delas se destacam por conta de sua importância.

É o caso da laje: sem ela, não seria possível elaborar construções com mais de um pavimento, dado que esta é a estrutura que separa os andares.

Do mesmo modo, ela pode ser usada como camada intermediária entre o telhado e o espaço interno, proporcionando mais conforto e beleza.

Contudo, ao contrário do que muitas pessoas pensam, existe mais de um tipo de laje no mercado. Apesar de, no Brasil, a Laje pré moldada ser a mais popular, pode ser que outra traga mais vantagens, dependendo das características da construção.

Por conta disso, é preciso pesquisar sobre elas e definir qual é o melhor modelo junto a um profissional qualificado.

Não sabe por onde começar? Então continue lendo e confira alguns tipos de lajes disponíveis no mercado:

Laje de isopor

Apesar de muitas pessoas verem o isopor como um material pouco resistente e de segunda categoria, isso não procede. Na realidade, trata-se de um item que oferece uma série de vantagens, tais como:

  • Baixo custo;

  • Durabilidade;

  • Isolamento térmico e acústico;

  • Não propaga chamas.

Assim, a laje treliçada de isopor costuma ser uma excelente opção para diversos tipos de imóveis.

Do mesmo modo que os modelos tradicionais, ela consiste em treliças de ferro preenchidas com concreto, com o diferencial de contar com placas deste material dentro do preenchimento.

Consequentemente, é possível aproveitar seus benefícios sem abrir mão da resistência ou da durabilidade.

Laje steel deck

Por mais que se trate de uma opção resistente, o preço do metro da laje treliçada costuma ser superior ao de outros modelos.

Além disso, os procedimentos de planejamento e instalação tendem a consumir um tempo considerável da obra, o que, por sua vez, também ajuda aumentar seu custo.

A boa notícia é que há alternativas mais práticas e econômicas no mercado. Uma delas é optar por uma cobertura metálica, que é colocada sobre a estrutura de uma só vez – ou seja, uma laje steel deck.

Apesar do nome em inglês, seu mecanismo de funcionamento é simples e muito fácil de entender: ao invés de usar as tradicionais escoras, instala-se uma espécie de chapa ondulada feita aço, que, em seguida, é concretada.

Deste modo, o procedimento é muito mais rápido e econômico.

Porém, a praticidade não é a única vantagem deste item: ele também torna a obra mais segura. Como as plataformas metálicas são resistentes, os operários podem caminhar sobre elas tranquilamente, sem o risco de elas cederem.

Mas, afinal,  Onde encontrar laje steel deck?  Simples: ela costuma estar disponível em lojas de material de construção.

Laje painel

Por mais que o steel deck tenha uma série de vantagens, ele não é a única opção para quem está em busca de maneiras de tornar uma obra mais em conta.

Também é possível optar pela instalação dos paineis treliçados, o que também é conhecido como laje painel.

O diferencial desta estrutura é que ela dispensa a existência de madeiramento para sustentar a laje. Devido ao alto custo da madeira, isso faz com que este modelo de laje tenha um custo inferior ao dos demais.

Do mesmo modo, trata-se de uma opção mais resistente que os paineis cerâmicos, fazendo com que a estrutura seja mais durável.

Laje pré moldada

No Brasil, a laje maciça e pré-moldada é a opção mais popular no mercado da construção civil. Como o seu próprio nome diz, trata-se de um item que é moldado e montado antes da sua chegada ao canteiro de obras.

Como ela só precisa ser encaixada, o procedimento é mais rápido.

Contudo, é preciso ter em mente que os tipos de laje pré moldada não são todos iguais: é possível que ele seja cerâmico, com isopor, alveolares, etc. A laje de painéis treliçados faz parte deste grupo.

Laje maciça

Em termos de resistência e de qualidade, nenhuma laje supera a maciça.

Como o seu próprio nome diz, ela é montada na própria obra, por meio do concretamento de uma estrutura feita com fios metálicos. Deste modo, o risco de fissuras e outros problemas do tipo é muito menor.

Porém, antes de optar por ela é preciso ter em mente que trata-se de uma das lajes de custo mais elevado do mercado. Assim, é preciso certificar-se de que o investimento necessário cabe no orçamento.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>